Como começar uma coleção de Resident Evil

Como começar uma coleção de Resident Evil

Recentemente, o Felipe Demartini fez um VideoSAC cheio de dicas de como adquirir produtos oficiais e originais da série por um excelente preço. E na sequência, outro VideoSAC com sua respectiva coleção. Se você ficou babando e está interessado em começar a colecionar itens originais ou trocar seus antigos games “alternativos” por produtos oficias, aí vão algumas dicas bem importantes para te ajudar nessa árdua tarefa.

O que é importante para você?

Antes de iniciar e fomentar a roda do consumismo, você deve se perguntar: o que te levou a ser fã de Resident Evil a ponto de te fazer montar uma coleção? Os games? Os filmes? As HQs? Os personagens? O universo da série?

Esse questionamento é necessário para que você possa direcionar melhor as suas futuras aquisições e não gastar com itens que sejam irrelevantes. Por exemplo, um colecionador dos filmes do Paul Anderson não precisa possuir um controle em formato de pistola para o Nintendo Wii, que é uma coisa bem fora do universo dos filmes.

Seguindo o caminho oficial

Como começar uma coleção de Resident Evil

É hora de você parar de usar essa roupa…

Mas seja qual for seu direcionamento, meu primeiro conselho é: se você tem uma “coleção” de itens alternativos, genéricos, ou piratas no mais claro português, que comece substituindo-os por originais. E opções para isso não faltam. Temos o eBay, o Mercado Livre e até fóruns de internet, onde fãs e colecionadores trocam e vendem esses itens para renovar sua coleção.

Alguns podem até questionar que games antigos são mais raros de se encontrar em bom estado e que quando lacrados chegam a ultrapassar absurdos R$ 500. Porém, usados com qualidade de seminovos existem sim aos montes, funcionam perfeitamente e são excelentes adendos.

Direcionando sua coleção pelos consoles

Novas informações sobre Resident Evil 6 Archives e Anthology

A coletânea Anthology traz todos os jogos numerados e é um bom começo.

O pensamento mais comum quando se deseja iniciar uma coleção é contar com todos os jogos principais da série. Nesse quesito, o console mais bem cotado é o Playstation 3, que conta com os três primeiros games da série para compra online, além de CODE: Veronica e Resident Evil 4 ambos em HD, também por download.

O console da Sony também tem Resident Evil 5 Gold Edition (versão completa com todos os extras e com suporte ao Move), além do recém lançado RE6. Há também RE: The Umbrella Chronicles e RE: The Darkside Chronicles, ambos em HD e apenas digitalmente, e, por fim, RE: Operation Raccoon City.

O Nintendo Wii segue por um caminho parecido. Temos Resident Evil 4, as já citadas séries Chronicles e Archives, que trazem RE Remake e Zero. Ainda, é possível aproveitar a retrocompatibilidade do console e jogar RE2, RE3 e CODE: Veronica nos relançamentos para o GameCube.

O Xbox 360 tem boas opções, com os jogos da série principal em HD e os lançamentos mais recentes. Já os usuários de PC têm à disposição a melhor versão de Resident Evil 5, com suporte a 3D e um modo que triplica o número de inimigos, além de RE: Operation Raccoon City e todos os games numerados da franquia.

Mídia digital é coleção?

Como começar uma coleção de Resident Evil

Jogos clássicos em suas versões digitais na PSN.

Esse é um questionamento que traz enormes dores de cabeças para colecionadores “das antigas”, acostumados a ter a caixinha dos seus games favoritos. Serviços como o Steam ajudaram a popularizar essa tendência. Operation Raccoon City para PC em mídia física? Só na Europa! Resident Evil Revival Selection e a série Chronicles em HD em disco? Só no Japão! Tais games até ganham status de raridade para alguns colecionadores.

Mas sim, games, filmes e até livros digitais são itens de coleção. Quem nunca “guardou” no PC aquelas imagens “meio raras”, porém oficiais, que surgem antes de todos os lançamentos dos games? Os conteúdos online disponibilizados pela Capcom, como os wallpapers oficiais e papercrafts para imprimir, são itens que constam em muitas coleções também. Eu mesmo tenho no meu Xbox 360 e PS3 todos os trailers de RE baixados nos HDs dos consoles, mesmo não contando eles oficialmente como itens da minha coleção.

Se você já comprou Resident Evil 6, deve ter reparado que o manual impresso do game tem 4 páginas, indicando que você pode acessá-lo (tendo comprado ou não o jogo), gratuitamente no site da Capcom. Apesar de pessoalmente ser contra tal medida, que existe para redução de custos e conscientização ambiental, isso permite que a empresa atualize o manual caso algum patch seja lançado para o game.

Caçadores de raridades

Nada melhor do que ostentar um raro item em sua coleção, certo? E há colecionadores que vão atrás só desses, que geralmente têm uma produção bem limitada. É o caso de comemorativos como a maleta de 5º aniversário ou o Collector’s Box de 10º aniversário para o Gamecube, que custam uma pequena fortuna. É o caso também dos quase R$ 3 mil da edição de colecionador japonesa de RE6, que vem com uma jaqueta igual a do Leon. Estes são itens que engrandecem (e encarecem) muito sua coleção, mas que sempre valem a pena ter.

Material nacional

Review Resident Evil Marhawa Desire

O ano de 2012 foi muito bom para os fãs brasileiros, pois tivemos dois livros e um mangá lançados oficialmente no país, totalmente traduzidos. Independente do direcionamento da sua coleção, é indispensável ter esses itens por serem originais e, principalmente, localizados para nosso país. Todos sempre reclamam de que nada sai no Brasil, por isso, quando algo sai por aqui, todo colecionador que se preze não pode deixar de ter.

Também há colecionadores que adquirem revistas de games nacionais com detonados ou avaliações de Resident Evil. Alguns até recortam as matérias e as colocam em pastas. Mas o que há de mais localizado são os filmes, tanto os em computação gráfica como os live actions de Paul Anderson, em DVD ou Blu-ray. Esses possuem dublagem em português e extras legendados para o nosso idioma.

Hoje, eu possuo mais de 200 itens oficiais na minha coleção, mas ela não surgiu da noite para o dia. Coleciono a mais de 10 anos e certos itens levam muito tempo e custaram muita grana para conseguir. Com o direcionamento certo, fica mais fácil decidir o momento correto para dar aquele lance ou efetuar aquela compra há tanto tempo desejada.

Fontes de imagens:


Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Cleyton Palauro Ver todos os posts de

Cleyton Palauro (rescclp) é fã de Resident Evil desde 1996 e colecionador desde 2001. É desenvolvedor multimídia, trabalhando com animações 2D/3D, modelagem e game design.

49 Comentários em "Como começar uma coleção de Resident Evil"

  1. Italo Oliveira 13/01/2013 at 18:38 -

    Muito bom. Excelente. Cleyton, tu és fera!

    • rescclp 13/01/2013 at 20:45 -

      Agradeço grande Italo! ^^ Agora vamos dar prosseguimento e montar a sua coleção, né? =P

  2. enzokennedy 13/01/2013 at 18:47 -

    Shady, eu tinha resident evil 1,2,3 para ps1, e queria voltar a jogar e matar as saudades e comprar para pc, mais queria pedir uma sugestão de lugar confiavél para baixar, obrigado

    • Felipe Demartini 13/01/2013 at 18:50 -

      Vc pode baixar pela PSN, os games antigos só estão disponíveis digitalmente por lá.

      • enzokennedy 13/01/2013 at 18:53 -

        não tenho a psn, isso o problema eu quero para pc, eu já vi vários sites para dowload e compra mas não sei se posso confiar.

        • Felipe Demartini 13/01/2013 at 19:32 -

          Para comprar, só eBay… nem no Mercado Livre vc vai achar os discos, que já são bem antigos.
          Sobre download, nem vou dizer nada. Vc está pedindo links para baixar em um texto que fala sobre começar a coleção e substituir piratas por originais.

  3. residentmatheus 13/01/2013 at 19:22 -

    Muito bom a matéria, e concordo, o verdadeiro fã tm q ter os produtos originais, ter os jogos piratas, é o msmo q nada.

    • rescclp 13/01/2013 at 20:40 -

      Um verdadeiro fã nem precisa ter uma coleção, pode jogar, entender, admirar… Mas NÃO possuir itens “alternativos” já ganha meu respeito! 😉

      • Davis Abreu 13/01/2013 at 21:02 -

        Num é, sabendo pelo menos da história, não importa se o fã não tem o material, se ele pelo menos admira todos os produtos, até porque não é todo mundo que pode se dar ao luxo de começar uma coleção dessas!

        • residentmatheus 15/01/2013 at 14:37 -

          Eu estou me referindo a um fã colecionador, e n somente um fã, eu sei q a maioria das pessoas q acompanham o Sac são fãs ardos da série, mas no meu comentario eu me refiro a um fã q coleciona os produtos.

  4. MathRE 13/01/2013 at 19:49 -

    Axo maravilhoso quem rala(como eu e várias outras pessoas)para terem a coleção do seu filme,jogo,série favorita mas axo que cada vez isso está cada vez mais difícil com os preços,impostos do Brasil e por isso mtos recorrem a pirataria o que para mim não é nada demais sendo que 70% da nossa população vive de salário mínimo.Eu nunca fiz isso e nem gosto mas apoio pq axo um absurdo esses preços um grande exemplo é a máscara quebrada do batman por 400 reais ou o box de harry potter por 2.000 mil reais.Realmente quem é colecionador sofre e é de tirar o chapéu eu mesmo estou começando a colecionar várias coisas que gosto mas realmente tá osso =/

    • Felipe Demartini 13/01/2013 at 19:56 -

      No caso de preços abusivos, como os dois exemplos citados por você, existem alternativas. Quem comprou isso fora do país, mesmo pagando impostos, não chegou a dar nem metade do valor nacional desses produtos. Ser colecionador também envolve ser oportunista e fuçar sempre a melhor oferta – além de saber esperar.

      • MathRE 13/01/2013 at 20:17 -

        Verdade mesmo com impostos não chega nem a metade do preço de quando vem para cá o problema mesmo são alguns fatores:
        1-Para quem compra DVD ou Blu ray fora do país nem todos tem com legendas em pt/br(é claro isso é a minha opinião tem mtos que não ligam e compram só para colecionar mesmo)
        2-Há demora
        3-Realmente saber esperar, só que horrível quando a coleção é limitada aí ferrous =/ rs

    • zinho 13/01/2013 at 20:56 -

      Cleyton Palauro – Nossa, Que Foto é Essa ? Não Queria Cruzar Com Essa Pessoa na Rua a Noite rs. a foto ficou muito boa

  5. Negushy 13/01/2013 at 20:49 -

    otimo artigo cleyton!
    que acha d evc mostrar sua coleção pra gente?

  6. Wes 13/01/2013 at 21:45 -

    O que me chama mas atenção RE são os personagens, cara não sei como posso gostar tanto assim, é inexplicavel! Então o que mas gostaria de colecionar seria os bonecos, mas infelismente este são um dos produtos mas caro de RE, Shady vc pode me indicar um site que tenha a boneca da Jill com a roupa de RE3 e do Nemesis, mas eu queria que fosse bem real mesmo tipo aquele da Ada que tu postou um dia desses aqui.

  7. Wes 13/01/2013 at 21:55 -
    • Felipe Demartini 13/01/2013 at 22:08 -

      Dá uma olhada no Mercado Livre, mas se prepara, que é cara.

      • Wes 14/01/2013 at 08:04 -

        Saco velho! Achei so com anuncio fechado, no site da propria hot toys não tem não Shady?

        • Felipe Demartini 14/01/2013 at 11:17 -

          Se não me engano, a Hot Toys não tem loja online, mas vc pode checar lá

          • Wes 14/01/2013 at 22:06 -

            Como é que pode uma loja de dessa não vender no seu proprio site? Deve ser mesmo para os produtos virem exclusivos e raros, achei o da Ada mas so que o 1° tem que ser o da Jill, acho que comprarei 1 por ano. O Shady e tbm a galera se algum vcs encontrarem essa Jill Bsaa ta um up aqui, quero muito essa action figure.

  8. José Mac 13/01/2013 at 22:09 -

    Eu sou um clássico exemplo de fã que não monta coleção de produtos, com exceção dos jogos, é claro. Mas como deve ser recompensador vc ter uma sala repleta de itens de sua série preferida, e ver que cada um deles possui uma história com vc! Parabéns, Cleyton!

    Quanto a distribuição digital, não é a mesma coisa, mas é considerado coleção sim!

    • rescclp 13/01/2013 at 22:23 -

      O colecionismo como conhecemos vem do agrupamento de material físico, mas material digital é considerado coleção sim, tanto que conheço colecionadores de conteúdo digital (filmes e jogos).
       
      Mas enquanto o material físico pode apenas ser inutilizado depois de muito tempo e algum descuido, o material digital que é distribuído por redes próprias como Steam, PSN e Live, pode ser inutilizado numa possível finalização do serviço. Espero que isso demore MUITO ou nunca aconteça! =)

  9. Lucas 13/01/2013 at 22:13 -

    Alguém aqui se interessa pela coleção de trilhas sonoras da série, como eu? Já junto o dinheiro para a aquisição das mídias físicas, incluindo até alguns lançamentos especiais 😀

  10. Gabriel S. Kenedy 14/01/2013 at 00:19 -

    gostaria de ter a jaqueta do Leon e os jogos principais tenho apenas o 5,6 e o ORC, mas a jaqueta do Leon é sensacional

  11. yuri 14/01/2013 at 02:01 -

    eu só tenho os RE do Gamecube, não me interesso muito por edições diferentes do mesmo jogo; o que eu realmente quero é o “RE4 preview disc” e o “biohazard 4 – Secret DVD”

  12. Sniper3D 14/01/2013 at 11:55 -

    Legal cara, você e o demolay são os responsaveis por eu iniciar minha coleção Resident Evil, lembro que em 2006 eu estava comprando apenas a versão americana e apenas a melhor versão de cada jogo, tipo Resident Evil 1 a versão Remake do GC, mas ao ver a coleção de vocês, pensei……..quero uma igual, um grande abraço amigo e fico imaginando como deve estar sua coleção hoje, se possivel posta ai pra gente ver algum dia.

    • rescclp 14/01/2013 at 18:46 -

      Já vi sua coleção, tem uns itens muito interessantes! ^^ Code Veronica nacional do DC, o Double Pack do PS2, Biohazard 5 do x360… =) Grava um vídeo apresentando sua coleção e manda aqui pro SAC! =D

      • Sniper3D 17/01/2013 at 09:52 -

        gosto muito das versões nacionais pela raridade, pois apesar de estar aqui, é bem dificil achar o Resident Evil 1 do sega saturno ou o Resident Evil 2 do N64 que eu tenho mas infelizmente sem o Manual em português, no mais estou criando coragem para fazer o video, não sou muito bom com isso, hauahuahu, bem que você podia postar a sua pra gente se animar. hauhauahauh, um grande abraço amigo.

  13. Duli 14/01/2013 at 12:19 -

    Parabéns Cleyton pela matéria. Muito legal! : )

  14. Felipe Demartini 14/01/2013 at 12:48 -

    Só acho que demorou pro Cleyton – e todos vocês – fazerem um vídeo mostrando as respectivas coleções no VideoSAC hahahahaha

    • rescclp 14/01/2013 at 13:13 -

      Quanto tempo pode ter o vídeo? =P
      Fora que vou ter que gravar meu video no mínimo em umas 5 partes! Demora um bocado desencaixotar tudo. =/
       
      Mas o pessoal aí que tem menos itens já poderia gravar e mandar pro SAC. Se não quizer gravar, pode ser fotos como faziamos no REVIL Felipe? Se bem que gravado é mais legal de assitir, ainda mais se a pessoa for narrando pra gente. ^^

  15. Cláudio Corrêa 14/01/2013 at 14:00 -

    Muito legal o Post Cleyton, um dos xodós da minha coleção é a edição nacional de Resident Evil 1 pra Sega Saturno, no formado bigbox de papelão, lançado pela Tec Toy em 96, como realmente o Brasil não é um país muito favorecido para itens da série, eu curto muito esse lance de colecionar e buscar itens nacionais, tenho muitos cds e dvds de revistas com demos e trials dos jogos da série pra PC, mesmo sendo só um pouco do jogo, eu curto ter esse tipo de item também na coleção.

    • rescclp 14/01/2013 at 18:38 -

      O RE de Sega Saturn foi lançado no final de 97. ^^ Ele é um item raro pela localização da caixa e manuais, mas fora isso é uma edição bem pobrezinha.
      A caixinha do CD é uma normal, e o manual nem cabe nela. =/ O manual é p/b de um material bem simples, a caixa é bem sensível e o disco é o mesmo da versão US. O que mais me agrada nessa versão é o minigame extra “Battle Game”! ^^

  16. Viniccius Ismael 14/01/2013 at 16:07 -

    Sou fã da série desde os 9 anos quando joguei o ”Re3: Nemesis” pela primeira vez. Joguei todos do PS1, do PS2, tenho o RE5 no meu PS3… mas a minha coleção fica só nos filmes mesmo.
    Aliás, meu PS3 não dá suporte ao RE6 :'(
    Quem sabe num futuro distante

    • José Mac 14/01/2013 at 17:07 -

      Como assim seu PS3 não dá suporte a RE6? Não entendi…

  17. Pedro ribeiro 17/01/2013 at 02:48 -

    parabens pela materia, tbm sou um mero colecionador , mas tenho alguns itens bem raros, vou fazer um video e compartilhar com vcs.
    abraços

  18. Sniper3D 17/01/2013 at 09:46 -

    Para ajudar a galera com a coleção, segue um amigo que esta vendendo a coleção dele e tem alguns itens a venda.

    Obs. Shady não sei se pode postar link de outros foruns, caso não possa, favor deletar.

    http://forum.jogos.uol.com.br/vendo-jogos-de-resident-evil—novos-itens-adicionados_t_2173871

  19. Viniccius Ismael 17/01/2013 at 19:16 -

    José Mac
    o meu PS3 é destravado, e seu software é o 3.55. RE6 é 3.60, se não me engano…
    se eu colocar RE6 pra rodar no meu videogame, ele pede atualização. se atualizar, perco tudo do videogame, inclusive os meus jogos. e isso seria um terror, pois a minha condição financeira tá um lixo… e precisaria de PELO MENOS , uns 1000 reais sobrando para repor os jogos… o que, infelizmente, não tá sobrando
    minha salvação seria ir conversar com o meu vendedor e achar um solução, ou comprar um bug pra poder rodar o disco sem atualizar… ou comprar um novo PS3, dessa vez, travado, podendo atualizar toda hora
    acho a ultima mais relevante, mas somente num futuro próximo

  20. Jaciara 18/01/2013 at 01:25 -

    Felipe, o eBay é confiável mesmo?

    • Sniper3D 18/01/2013 at 09:27 -

      Sim, é confiavel, desde que você compre com vendedores bem qualificados, vale lembrar que o ebay é como o mercado livre, só que mais seguro pois os pagamentos devem ser feitos via paypal, outro detalhe é que você precisa ver se o cara envia para o Brasil(world wide)

    • Felipe Demartini 18/01/2013 at 11:19 -

      O eBay é só uma plataforma. Vc tem que ver se os vendedores que estão lá são confiáveis, como no Mercado Livre.

      • Jaciara 18/01/2013 at 19:17 -

        Ok… obrigada! =D

  21. @effeliciano 08/02/2013 at 19:04 -

    Ainda acho que coleção digital é inútil. Você simplesmente não pode pegar, tocar ou guardar na sua estante. Estão alí no seu console, no seu PC e ocupam um bom espaço e como são dados , uma hora podem ser destruídos ou corrompidos por algum problema no seu equipamento.

    É claro que existe sempre a opção de re-baixa-los de alguma forma [Steam ou PSN] mas não creio que seja uma coleção. A Capcom simplesmente opta pelos lançamentos digitais é pra evitar pirataria mesmo, não tem outra resposta mais direta. Reduz os custos de impressão, gravação e distribuição? Sim, mas evita a pirataria no geral porque quem quer jogar Online, tem que adquirir o produto da forma mais honesta.

    A Xbox Live está cheia, repleta de bons jogos, aliás muitos exclusivos estão lá, mas apenas em formato digital, o que é lamentável, já que o console tem poucos exclusivos em mídia, diferente do PS3 e sua PSN.

    Pra fazer uma coleção de RE você precisa ter um PS3, um Wii e um PS2 já que os jogos foram distribuídos nessas plataformas, ao longo de suas gerações. É um investimento alto, mesmo para quem é fã, e como não sabemos o dia de amanhã, nem sempre o valor de venda, vai ser o mesmo que o valor da compra na época.

    Gostei muito do VideoSAC foi muito explicativo, gostei desse artigo, mas na minha opinião, colecionar requer grana, e não são valores baixos, mesmo optando por importações ou downloads originais.

    Aqui a imagem que resume, a minha frustração pelas mídias digitais:

    http://sphotos-c.ak.fbcdn.net/hphotos-ak-ash3/531557_482785035104753_485799043_n.jpg

    Flw.

  22. Gabriela 14/02/2013 at 15:29 -

    Mto Bom! Eu to querendo monta minha coleção … tenho a maioria dos Resident digitais no meu ps3 …
    mas principalmente os antigos gostaria de ter na edição fisica ….

  23. Deivi Dilda 27/02/2013 at 21:59 -

    Qual a ordem cronológica ideal dos jogos para quem quer começar a jogar o RE desde seu inicio? Tenho PS3 e gostaria de baixar da PSN os jogos disponíveis mas tentando seguir a ordem natural dos acontecimentos.

    PS: Ótimo artigo! Parabéns.

  24. LCCG 13/05/2013 at 20:35 -

    Tenho todos os games, do Zero ao RE4, do Survivor ate o Dead Aim, Outbreak´s e os dois Chronicles, ja zerei todos ( falta o ultimo capitulo os ultimos capitulos de Game of Obilion e Operation Javier no Darkiside Chronicles ahh e o especial de Umbrella Chronicles). posso dizer que minha coleção esta completa pois tenho jogos do mesmo em diferentes consoles, Resident Evil 4 no Wii(falta algumas armas a liberar nesse) e no PS2 (Quero o de GameCube), Resident Evil 3 no PS1, e no Dreamcast, e a versão Saturn de Resident Evil acreditem eu tenho( SO NÃO TENHO O SATURN MAIS ‘-‘ ) mais desses apenas Resident Evil para o 32bits da SEGA e ORIGINAL todos os outros são piratas, pra mim isso não faz diferença alguma, intão e isso ai povo, tenho orgulho da minha coleção, que funciona perfeitamente e do mesmo modo que os originais. intão e isso do mesmo jeito que eu torço pra que a SEGA volte aos consoles eu torço para que esses impostos absurdos em um mercado tão lucrativo como o Brasil diminua! intão um abraço a todos e ao o Felipe Demartine e parabens com os topicos sempre concordo com mais de 80% do que leio !